São Luís Marques Mendes: o bom samaritano?

Marques Mendes derrubou António Domingues. Este facto é insofismável. Foi o comentarista que num belo Domingo à noite sacou da lei que "arrumou" Domingues. 

Esta lei tinha sido esquecida pelos incompetentes juristas que assessoram o governo. Aliás, a incompetência de juristas portugueses começa a ser preocupante. Em Angola, também se instalaram de armas e bagagens com Isabel dos Santos na Sonangol e têm-se esquecido de leis essenciais. Mas deixemos os juristas incompetentes e voltemos a Mendes.

A pergunta que se coloca é por que razão Marques Mendes divulgou a existência da lei de 1983 e levou Domingues a demitir-se, invectivando-o todas as noites de Domingo e convidando-o a sair?

Há uma resposta benigna, Mendes transformou-se no arauto das virtudes republicanas, assumindo-se como um paladino da ética e da transparência no Estado. Então estaremos perante um processo de canonização em curso e em breve teremos um São Luís Mendes para adorar nos altares. Quiçá substituirá Tomas More, como santo patrono dos políticos. Bendigamos a conversão de Mendes.

Haverá contudo,uma resposta mais cínica, e que ontem já foi aventada por outro comentarista, o futuro ministro das finanças de um governo qualquer de direita, em formação avançada na SIC, José Gomes Ferreira. A nomeação de Domingues estava a pôr nervosos alguns dos fantásticos "empresários" portugueses, e ele citou o Grupo Lena (sempre), Joe Berardo ( que se tem safado entre os pingos da chuva até um dia) e os Mellos. Segundo alvitrou Ferreira, Marques Mendes seria o aríete utilizado por estes grupos e outros para afastar Domingues e trazer um novo Presidente da CGD mais maleável politicamente. E que mantivesse os privilégios. Pensarão estes fantásticos "empresários" que já bastou o que fizeram ao primo Ricardo do BES, coitado, que segundo a versão que agora se põe a correr foi uma vítima do fanatismo de Passos Coelho. Por este andar, ainda vamos ter Sócrates como Presidente da República e o primo Ricardo do BES como governador do Banco de Portugal...

Não sei se foi exactmente isto que fez cair Domingues. Mas terá sido algo de semelhante. O bombardeamento sistemático e permanente a que foi sujeito não foi inocente. Estamos a voltar paulatinamente ao pântano...

Rui Verde

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Quem tramou Joana Marques Vidal? Sócrates ou Manuel Vicente?

Porque é que Costa e o seu PS ainda continuam a precisar de eleições antecipadas?

O mistério de Luís Delgado e da Impresa